Página inicial / notícias / leis e direitos / governo do rio de janeiro

Notícias

Publicado em 03/12/2012

Ação do Programa Rio Sem Homofobia marca o Dia Mundial de Luta Contra a HIV/Aids em Duque de Caxias

Centro de Referência da Cidadania LGBT Baixada I realizará testes no público

O Centro de Referência da Cidadania LGBT Baixada I (CR Baixada I), do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, promoverá, no dia 05/12, uma ação em menção ao Dia Mundial de Luta Contra a HIV/AIDS, comemorado no dia 1° de dezembro. A atividade é uma parceria da Superintendência de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos, da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos do estado do Rio de Janeiro, com o Programa de DST/AIDS e Hepatites Virais do Município de Duque de Caxias e a Secretaria de Saúde do estado, e ocorrerá na sede do Centro de Referência, das 11h às 17h.

Durante a ação, o CR Baixada I realizará testes de HIV nos participantes, além de informar e orientar os presentes a respeito do vírus e suas formas e prevenção. Essa sensibilização será feita através de vídeos, que serão exibidos no Centro durante a atividade. o CR Baixada I também irá oferecer vacina contra Hepatite B, gratuitamente. Além da equipe técnica multidisciplinar do Centro de Referência, a Secretaria Municipal de Saúde de Duque de Caxias enviará 10 funcionários para apoiar o evento. Através dessa ação, o Programa Rio Sem Homofobia pretende atender à população LGBT da Baixada Fluminense, além dos demais interessados em realizar o exame.

Ernane Alexandre, coordenador do Centro de Referência da Cidadania LGBT Baixada I, relatou que a ideia dessa atividade surgiu “devido ao grande número de jovens soropositivos presentes na região, que, inclusive, buscam a ajuda dos serviços do Centro de Referência”. “A Secretaria de Saúde do Munícipio de Duque de Caxias pediu a colaboração do Rio Sem Homofobia para realizar esses testes rápidos, já que quanto mais cedo o vírus for detectado, mais eficaz é o tratamento”, ressaltou Ernane.

O superintendente de Direitos, Individuais, Coletivos e Difusos e coordenador do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, Cláudio Nascimento, destacou a relevância da atividade: “toda atividade que leve cidadania para a população LGBT e proporcione melhorias na sua qualidade de vida é importante. Precisamos reforçar o combate e a prevenção ao vírus HIV, não só na Baixada Fluminense, como em todo o Estado. A falta de informação sobre prevenção e a dificuldade no acesso ao tratamento dos soropositivos é preocupante. Ações como essa do Centro de Referência da Cidadania LGBT Baixada I vem reforçar nosso comprometimento para conquistar melhorias na área da saúde para gays, lésbicas, bissexuais, travestis e transexuais”.

 

Informações para imprensa

Márcia Vilella | Felipe Martins

ASCOM SuperDir | SEASDH

(21) 2284-2475 | 8158-9692 | 7965-4313