Página inicial / notícias / leis e direitos / governo do rio de janeiro

Notícias

Publicado em 09/04/2012

Quatis recebe mais de 250 pessoas em sua aula inaugural da 1ª Jornada da Cidadania LGBT


Com a presença de autoridades, abertura da jornada sensibiliza e conscientiza servidores municipais para o combate à homofobia

Com a sede do Quatis Futebol Clube lotada, a aula inaugural da 1ª Jornada da Cidadania LGBT na Cidade Educadora, realizada ontem (14) às 9h, contou com a presença do prefeito da cidade, José Laerte D’Elias; o vice-prefeito e secretário municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Hélio Ricardo; o vereador e vice-presidente da Câmara Municipal de Quatis, Nilder Hipólito – o Nildinho; as secretárias municipais de Saúde e Educação, Cláudia Monteiro e Aldjane Prata, respectivamente; e o superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, Cláudio Nascimento.

A solenidade iniciou-se com a intepretação do Hino Nacional pela travesti Jane Di Castro. “Quatis avançou mais um passo na emancipação pela presença e intepretação do Hino Nacional pela Jane Di Castro”, orgulhou-se o prefeito de Quatis, José Laerte D’Elias. E acrescentou: “Muitos se dizem intelectuais, letrados, mas carrega na alma o chaga do preconceito. Aqueles que cultuam o mal para seus semelhantes precisam se educar. Este é o lema de nossa cidade educadora e nosso objetivo neste momento”.

Cláudio Nascimento, que também é coordenador do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, elogiou o município, dizendo que além de cidade educadora, Quatis também era “encantadora” e corajosa na recepção e disponibilidade para a discussão do tema LGBT em seus vários setores sociais, como a saúde, educação, assistência social e direitos humanos. “Precisamos fazer o exercício da radicalização das diferenças, a fim de transformá-la em espaço de prática da cidadania”, convocou o superintendente.

O vice-prefeito e secretário municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Hélio Ricardo, muito emocionado, disse estar feliz por ter conseguido trazer a agenda LGBT para o município, que é o mais novo do estado, com 19 anos de existência e 13 mil habitantes. “Queremos trazer com as discussões da jornada, o respeito e os deveres para dentro de Quatis. Trazer os LGBTs para agenda pública do município é colocar mais um tijolo na construção da cidadania quatiense”, finalizou.

A aula inaugural também contou com a presença dos representantes do Conselho Municipal de Assistência Social e Movimento Diversidade Quatis, Neusa Pacheco e Sandro Pinheiro, respectivamente; além da liderança travesti da localidade Rayssa Ra-vachy. Os presentes ao evento também puderem se divertir e se emocionar com a apresentação do projeto educacional com teatro de bonecos de Cleise Campos.

A 1ª Jornada da Cidadania LGBT na Cidade Educadora realizará oito encontros de capacitação , com ênfase na saúde, educação, assistência social e direitos humanos e seu objetivo é sensibilizar, mobilizar e formar mais de 400 servidores municipais para o enfrentamento da homofobia e a promoção da cidadania da população LGBT. Esta é uma iniciativa do Governo do Estado do Rio, através do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, coordenado pela Superintendência de Direitos Individuais Coletivos da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, com apoio das secretarias estaduais de Saúde e Educação, juntamente com a Prefeitura de Quatis realizam a 1ª Jornada da Cidadania LGBT na Cidade Educadora – Quatis/RJ.