Página inicial / notícias / leis e direitos / governo do rio de janeiro

Notícias

Publicado em 19/03/2013

Programa Estadual Rio Sem Homofobia lança hoje o ‘Projeto piloto de formação continuada sobre atuação policial junto à população LGBT’

Ação capacitará, em 10 etapas, todo o efetivo do 23° Batalhão de Polícia Militar, no Leblon

Terá início hoje (19), o “Projeto piloto de formação continuada sobre atuação policial junto à população LGBT”, que capacitará o efetivo do 23° Batalhão da Polícia Militar, que é responsável pelos bairros Ipanema, São Conrado, Gávea, Jardim Botânico e Leblon, onde fica localizado. Os 800 policiais que atuam na região serão capacitados em 10 encontros, até o final de abril. O superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos e coordenador do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, Cláudio Nascimento, fará a aula inaugural do projeto e as etapas seguintes serão ministradas pelos coordenadores dos quatro Centros de Referência da Cidadania LGBT do estado do Rio.

“Essa atividade vem se mostrando muito eficaz na melhoria e na qualificação do atendimento policial junto à população LGBT. A polícia, além de garantir a segurança de todos, atua como defensora dos direitos humanos. Por isso, é importante que, através dessas palestras, possamos informar e orientar os policiais sobre questões ligadas à temática LGBT, como orientação sexual e identidade de gênero”, destacou Cláudio.

Esse projeto é uma parceria entre a Superintendência de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, a Subsecretaria de Educação, Valorização e Prevenção, da Secretaria de Segurança, e o 23°BPM.

 

Informações para imprensa
Márcia Vilella | Felipe Martins | Natália Vitória
ASCOM SuperDir | SEASDH
(21) 2284-2475 | 8158-9692 | 7965-4313