Página inicial / notícias / leis e direitos / governo do rio de janeiro

Notícias

Publicado em 07/02/2013

Rio Sem Homofobia lança campanha educativa de carnaval na Central do Brasil

Aconteceu nesta quinta-feira, dia 7 de fevereiro, na Central do Brasil, o lançamento da campanha educativa de carnaval do Programa Estadual Rio Sem Homofobia. A ação contou com cerca de 80 promotores que distribuíram materiais de informativos, preservativos e ventarolas ao público que passava no local. Durante todos os dias de carnaval mais ativistas e militantes atuarão frente ao voluntariado.  Serão 150 no total, que se dividirão entre as principais festas e blocos do estado do Rio de Janeiro, divulgando a campanha e os serviços do Programa Rio Sem Homofobia.

Cláudio Nascimento, coordenador do Programa Rio Sem Homofobia e Superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos, da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos (SuperDir/SEASDH), acredita que o estado do Rio deve estar preparado para os moradores e turistas LGBTs. “Essa é uma ação que tem a participação de três Secretarias: Assistência Social e Direitos Humanos, Segurança Pública e Saúde. É uma campanha divertida e educativa que faz uma homenagem ao carnaval antigo, e envolve mais de 150 promotores em todo estado do Rio de Janeiro, em 20 municípios, com 150 mil materiais informativos e preservativos sendo distribuídos. Hoje, estamos lançando cartazes, folders, ventarolas, adesivos, quer dizer, o conjunto de materiais que compõem a campanha ‘No baile da diversidade, discriminação não pode entrar.”, completou Cláudio.

Para Marcos da Costa, promotor voluntário da ação, a campanha é de extrema importância para todos, não apenas para o público LGBT. “Nós não somos diferentes de ninguém, somos todos iguais. Queremos levar para as pessoas essa igualdade. Todos devem se cuidar e ter responsabilidade.”, disse Marcos.  Felipe Gomes, um dos supervisores de divulgação, tem 15 anos de atividades nessa área. “O carnaval é uma grande festa da tolerância, as pessoas estão mais receptivas, mais alegres. Acredito que a campanha seja uma grande porta de entrada para o respeito à diversidade. Estão todos abertos a ouvir.”, ressalta Felipe.

O casal homoafetivo Vanessa Alves e José Barbosa também participarão juntos da campanha. “Nós estamos defendendo o amor. Vamos amar e ser feliz!”, festeja José ao lado de sua companheira, a transexual Vanessa.

Confira o álbum de fotos no nosso Facebook